CONTAGEM REGRESSIVA

27 de jun de 2011

Arraiá no USA =)

É isso aí minha gente, junho é mês do que mesmo???
FESTA JUNINA!!!!

Sábado fui pra Norristown na Pensilvânia numa festa junina na casa da Ju e simplismente AMEI!
Cada um levou um prato típico e mew, tinha tudoooo! Cachorro quente com patata palha, purê de batatas, milho verde, ervilha e tudo oq um cachorro quente de vdd tem direito, tinha paçoca, brigadeiro e beijinho, milho cozido, bolo de cenoura com cobertura de chocolate, cupcakes, arroz doce, cookies, cuscuz, sangria, caipirinha e mto mais coisas, foi demais!
Tinha umas 40/50 pessoas na festa, mtos brasileiros claro e mtos americanos tbm, o mais legal é que todo mundo foi a carater e dançamos quadrilha e tudo mais, foi mto divertido.
Fotinhos dizem tudo =)

Festa Junina!!!

Jé, Carol, eu, Daia e John
Me ;*

Mundinho pequeno... Josy :D

Neste fds trouxe todo mundo aqui pra casa; Já na sexta a Gi veio pra cá de tarde e fiquei trabalhando com ela aqui, aí a noite a Carol veio de NY e nós pedimos pizza, fizemos pipoca e assistimos o filme Black Swan.
No sábado cedo a Gi foi embora pq ela ia trabalhar e eu e a Carol fomos buscar a Jé que é uma au pair nova que chegou à 1 semana; Ficamos a tarde toda na piscina aqui de casa com minha host family e eles fizeram cachorro quente e milho assado, nos divertimos horrores!

Carol, eu, Jé e Liam

Jumping!!!

No domingo fomos pra NYC já cedo e almoçamos num restaurante mexicano, aí de lá fomos pro Radio City Hall assistir o espetáculo Zarkana do Cirque du Soleil.
Simplismente lindo, mágico, divino! Eles desafiam a lei da gravidade e interpretam de um jeito único, amei mtoooo!
Não tem mtas fotos pq não podia, mas consegui tirar algumas escondida mas estávamos bem longe então não estão mto boas, mas acho que dá pra ter uma noção.

Entrada do Radio City Hall

Friends!!!

Cirque du Soleil - Zarkana

Cirque du Soleil - Zarkana

Depois do circo fomos andar pela Times e olha só quem encontrei por lá hahahaha ;P

Naked Cowboy

Naked Cowboy - Hilário hahahaha


O fds foi mto legal, cheio de risadas e diversão, adorei tudo!
Essa semana começo meu novo curso, vou estudar Recursos Humanos (minha área no BR) e arrumar as malas pq semana que vem tem CHICAGO, iupiii!
Volto com as news de lá =)
Bjus!!!

18 de jun de 2011

Learning English + Annapolis/MD

Hello folks!

Today I`ll talk a little bit about my English here, but first I wanna say:
YES I`M LEARNING!

Não vou escrever o post todo em inglês pq minha mãe não sabe nadaaaa de inglês e lê meu blog então não vai entender nadica de nada rsrs. Mas queria falar que SIM, vc vai aprender inglês aqui e por consequência desaprender um pouco de português rsrs.

Quando eu era pequena meus pais me c
olocaram no inglês e posso dizer certamente que eles estavam certos e a errada era eu que matava aula pra namorar ou ir no shopping haha #vergonha... eu tinha 9 anos quando comecei a fazer inglês e gnt, não aprendi nadaaaaaaa!
Fiquei no curso de inglês por quase 7 anos e q
uando eu não matava aula eu finjia que estava doente e sem voz pra falar, ou eu ia pro curso e ficava no computador no bate papo, ou ia pra aula e simplismente não ouvia oq a teacher falava, ficava com a cabeça no mundo da lua; Eu achava que o inglês era uma coisa inútil que eu nunca ia precisar e ficava de saco cheio daquelas aulas chatas cheia de meninas mimadas e ricas na minha sala, sem contar que eu ficava revoltada pq desde os meus 3 anos dancei jazz e ballet e minha mãe me tirou do jazz pra fazer inglês pq não dava pra pagar os dois e eu que já odiava por odiar o inglês passei a odiar mais ainda quando me tiraram do que eu adorava fazer que era dançar. Enfim, todos esses anos foram desperdiçados por mim e quando a água bateu na bunda fez uma diferença do caramba!
Quando decidi que seria au pair eu não sabia NADA de inglês, mal conjugava o verbo "to be" e eu precisava ter o nível exigido pelas agências pra entrar no programa; Aí corri atrás de professor particular e me dediquei mto; O crescimento foi visível, aprendi o necessário pra passar no teste e meti a cara, fui lá fiz o teste e passei, aí continuei a estudar cada vez mais e mais e foi assim durante os 10 meses antes do meu embarque.

Quando cheguei aqui meu inglês ainda era mto pobre; Eu conseguia entender bem mas tinha dificuldade em falar e mta vergonha de rirem de mim, mas aí minha filha já é tarde demais, vc tá aqui e ou vc fala inglês do seu jeito ou vc morre de fome hehe.
Comecei a fazer o curso de ESL e de vdd o curso foi uma merda rsrs; Na vdd o curso até que é bom mas minha teacher era mto lazy e não aprendi nada novo.
Oq não tem como negar é que aqui vc realmente aprende na convivência e a cada dia é um crescimento a mais; Na minha casa todos só falam inglês, apesar de não conversarmos mto eu sempre aprendo com eles. Pedi que me corrijam sempre e quando tenho alguma dúvida sempre pergunto então isso é ótimo.
Como vcs sabem tenho mtoooos amigos brasileiros, oq atrapalha um pouco o aprendizado, mas mesmo com eles sempre aprendo pq um sempre ajuda o outro.
Ainda estou mto longe do que quero chegar e não posso garantir que volto pro Brasil com inglês fluente, porém tenho certeza que alcançarei um bom nível e que isso ajudará mto na minha carreira profissional.
O engraçado de td isso é que vc não nota que está aprendendo, é tudo tão natural e quando vc vê já está falando. Converso sempre por telefone com amigos americanos, ficamos mais de meia hora no telefone e todos me entendem mto bem e eu entendo eles tbm, isso é ótimo, quando desligo o telefone fico tão feliz comigo mesma hihihi.
Outro dia uma amiga veio dormir aqui em casa e no outro dia ela disse que eu falei a noite, quando perguntei oq eu falei ela disse que eu estava brigando com meu kid em inglês rsrsrs. As vezes antes de dormir vou rezar e começo a rezar em inglês, é esquisito, aí paro me concentro e rezo em português rsrs; Outro sintoma de aprendizado é quando vc está conversando em português e coloca palavras em inglês no meio pq são elas que veêm na cabeça e não as palavras em português;

Ex: "Enquanto meu KID tira uma NAP eu aproveito pra usar a internet"

Tbm noto que desaprendi um pouco o português quando não lembro de por acentos nas palavras ou quando simplismente não lembro palavras rotineiras e tbm quando vejo pessoas falando em português na rua, é tão estranho, vc fica tanto tempo sem ouvir que quando ouve se sente um ET.
Tudo isso é mto esquisito mas no fundo é mto engraçado e natural e isso tudo significa que o inglês está entrando na minha cabeça e sem nenhum esforço estou aprendendo, até pq se dependesse de mim pra estudar inglês até ficar fluente isso não aconteceria nunca rsrs.
Hoje consigo conversar com qualquer um e certo ou err
ado eles me entendem e eu entendo eles; As vezes não consigo entender palavra por palavra mas entendo oq a pessoa disse num contexto. A mesma coisa acontece com TV, nem sempre entendo tudo mas as imagens ajudam e eu sempre aprendo uma palavra nova quando assisto algo (se bem que não assisto TV quase nunca aqui). Uma coisa que eu realmente não consigo ainda entender é música; Se eu pegar a letra pra ler eu vou entender, mas enquanto a música está tocando eu não entendo nada, talvez por usarem mtas gírias e ser rápido demais eu não consiga entender, mas espero que isso se resolva rsrs.
Aqui vc vai encontrar gnt de todo canto do mundo, então vc vai ter que preparar seu ouvido pra todo tipo de sotaque; Isso é bom pq vc se torna capaz de entender todo mundo mas dá uma dor de cabeçaaaaa rsrs. Indiano falando é um cú, eu não entendo quase nada e tenho vontade de rir da cara deles rsrs.
O importante msm é saber que vale a pena, que nada melhor que tempo e convivência pra aprender!
So, this is... YOU CAN LEARN ENGLISH!!!
... and I`m so happy about it!!!

*ANNAPOLIS/MD

Quero aproveitar o post para contar que fds passado fui para Annapolis em Maryland e Reston na Virgínia. O fds foi mto bom e pude conhecer mais 2 estados mto bonitos. As companhias claro sempre ajudam e nós rimos mto como sempre rsrs.
Annapolis é uma cidadezinha mto cute, com restaurantes e lojinhas super fofas e com uma baita de uma academia naval com 4.000 marinheiros :O
Reston não é mto diferente de onde eu moro; Mas mto bonito tbm.
As fotos dizem mais, então segue:


PortoNo pier
Academia Naval de Annapolis
Marinheiros
As companheiras do fds - Ka Galego, Kelinha, Gi, eu e Paolla

GASTO: Passagem de ida pela Megabus, de volta pela Tripper e gastos no outlet somaram U$250.00; Não gastei com hotel pq fiquei na casa da Kelinha ;)

Bjos *-*

12 de jun de 2011

Metade do caminho, 6 meses de USA!!!

Meu Deus como o tempo voa!
Aquele papo clichê de "parece que cheguei ontem" faz todo sentido agora... faltam apenas 182 dias pra dar adeus a tudo isso :O

É engraçado como tudo muda, quando cheguei só queria ir embora, dps pensei em ficar a vida toda aqui, dps pensei em ir embora denovo, e hj eu estou absolutamente confusa com relação ao que pensar... quero mto voltar pro BR, rever todo mundo e começar minha vida again, mas quando penso em dizer adeus a tudo isso me sinto estranha, não me vejo fazendo isso e sofro por antecedência :S
Meus 6 primeiros meses foram maravilhosos, 90% positivo e só 10% negativo, pq problemas todo mundo tem né, e eu espero que os próximos 6 meses sejam tão bons quanto ou até melhor!
Com 6 meses acho que tenho direito a uma listinha né :P

- Sobrevivi ao pior inverno dos últimos tempos e descobri que odeio neve;
- Me apaixonei pela primavera;
- Passei a acreditar que o calor do USA é mto mais quente e úmido que o do Brasil mas estou adorando o verão!
- Viajei, viajei e viajei!!!
- Tive minha primeira semana de férias e elas foram AMAZING!
- Engordei mto (8 kgs) e tá díficil emagrecer :/
- Descobri que adoro penaut butter e jelly (pasta de amendoim e geléia) com pão e estou sofrendo sem isso na minha dieta :(
- Consegui minha drive lincense e agora dirijo pra cima e pra baixo;
- Comprei como se não houvesse amanhã e ainda não sei como vou levar tudo embora;
- Já amei e já odiei minha host family e minhas kids;
- Já me senti mãe das minhas kids e meu menino já me chamou de "mommy" trocentas vezes;
- Tive festa de aniversário "alá brasileira" e "alá americana" e adorei!
- Ganhei U$150.00 de presente de aniversário da minha host family e me surpreendi;
- Já me perguntei mil vezes oq estou fazendo aqui e já me peguei mil vezes pensando em ficar;
- Já chorei mto de saudade;
- Já fui fria e não senti falta de ninguém;
- Obtive a maldita insônia nesse lugar;
- Não fiquei um fds em casa e me divirto mto;
- Fiz amizades valiosas;
- Me decepcionei com quem eu pensava ser amigo;
- Terminei meu primeiro curso de inglês e já tenho outro em vista;
- Me matriculei em um curso de Recursos Humanos (minha área no BR) e minha família pagou a diferença que era mais que os U$500.00 de obrigação, fiquei mega feliz!
- Me surpreendi comigo mesma entendendo 90% de filme em inglês sem legenda;
- Já participei de churrasco americano com hambúrguer e salsicha;
- Frequentei praia americana onde vc tem que pagar pra entrar e não existe ambulantes;
- Já tive momentos de total stress e xinguei as pessoas em português;
- Já esqueci o nome de palavras em português e só lembrava delas em inglês;
- Já fiz mta cagada aqui;
- Já cresci mto pessoalmente;
- Já aprendi mta lição de vida... e ainda tem mto pra aprender...

Estou na metade do caminho e cheia de planos pros próximos 6 meses... estou me planejando pra conseguir dar conta de tudo pq como eu disse no último post, até agora minha decisão de voltar ainda está de pé... então bora correr cuz the time flies!
Parabéns pra mim e vamo que vamo!!!
Minha host-family =)

Primavera =)

Verão =)

Bjus *-*

6 de jun de 2011

Baladas no USA

Eu sempre gostei de balada mas como estava namorando a mto tempo fazia um tempo que eu não frequentava, porém quando nós íamos à alguma eram daquelas onde tocava de tudo, desde Xuxa até Psy e eu adoroooo!



Aqui fui em algumas e realmente não gostei de nenhuma :S


Vc tem que tomar cuidado com o lugar que vai, tem mtas baladas latinas por aqui onde o DJ fica falando no meio da música e só toca "ragatonga" rsrs. Não tenho nada contra os latinos mas não gosto das baladas latinas; As mulheres colocam aquelas roupas que parece feitas com pano da cortina e passam aqueles perfumes doce capaz de intoxicar qualquer um e os homens usam tanto gel no cabelo que parece que foi óleo, aí o homem vem por traz puxa seu cabelo e começa aquela dança linda onde ela põe a mão no chão o bundão pra cima e ele encaixa nela como se estivesse metendo (com o perdão da palavra rsrs); Mas é isso que rola, já fui em 2 baladas latinas e só vi isso, terrível!!!

Balada americana é melhorzinha comparada à latina mas é um lixo perto da brasileira; Toca mtoooo hip hop e a galera vai a loucura, as mulheres usam micro roupa e mtas vezes nem usam calcinha por baixo e os homens ficam te olhando e te comendo com os olhos mas nunca chegam em vc. A dança do acasalamento tbm existe nessas baladas, elas dançam em cima deles como se estivessem transando, mordem e passam a mão em tudo mas por fim, segundo meus amigos, nuncam transam com eles.

Ainda não achei uma balada brasileira aqui, até pq sempre tem os latinos no meio rsrs, mas dizem que baladas boas vou encontrar agora no Summer em Hoboken ou NYC; Sei de algumas baladas mto famosas em NY que dizem que tem vários ambientes e música boa, mas o problema dessas baladas são drogas. Dizem que é um prato cheio pra usarem drogas e por fim vc que vai lá pra se divertir acaba se stressando.

As baladas aqui começam a partir dàs 10 PM e não passam dàs 3 AM. Geralmente mulher não paga até às 11 e aqui nada é consumação como no BR. O valor pra entrar varia de balada pra balada mas nas que eu fui nunca passou de U$20.00.

Os pubs ou bars funcionam mais ou menos do mesmo jeito; Em alguns tem música ao vivo, em outros DJ (bar balada) e alguns não tem nada, são mais voltados pra famílias; Eu particularmente gosto mais de pub/bar do que balada, pq vc tem a opção de sentar ou poder convesar e pq não rola a "putaria" que rola nas baladas.

Tanto em baladas como nos bares a idade mínima para entrada é 21 anos, em alguns menor até pode entrar mas usa um adesivo ou pulseirinha pra identificação de que não pode beber. Em todos os lugares vc tem que mostrar seu passaporte ou ID e se for menor de idade não tem jeito, não entra msm.

Quando digo que acaba no máximo às 3 AM não tem choro, deu o horário eles ascendem as luzes, param a música e mandam todo mundo embora. Geralmente pub/bar acaba 1 ou 2 AM e as baladas 2 ou 3AM.

Com relação ao "nível das garotas"; São garotas comuns como nós, só que aqui é normal vc dançar do jeito que elas dançam, elas se esfregam msm mas não vão pra cama com os caras e as vezes nem beijam, só dançam msm; As brasileiras tem fama de "sexy" ou "hot" ou até msm de "puta" por aqui pq infelizmente tem umas que desvalorizão msm a mulher brasileira. Dançam mto mais comportadas que as americanas mas "dão" pro cara na mesma noite; Isso não cabe à mim pq cada um sabe oq faz, mas aqui quando vc fala que é brasileira a primeira coisa que eles falam é HOT ou SEXY girl... se isso é bom ou não cabe à cada um julgar ;)

Bom, oq tenho pra dizer é isso... balada na América pra mim até agora foi fake, volto pra contar quando achar uma legal hehe.

Seguem fotinhos...



Balada latina :/


Essas duas estavam dançando em cima da plataforma e sem calcinha :O



Gi e eu em balada americana (Tio Pepe em Newark/NJ)


PS: Gente estou lendo todos os blogs diariamente mas em alguns não to conseguindo comentar, não sei pq, alguém está com o msm problema?

Ahhh e respondendo à uma pergunta do último post, até agora eu NÃO VOU EXTENDER o programa, to lokaaaa de sds de casa ;)





See u guys!

XOXO